Bossa Nova

1 nov 2010


Mary Ann Simpson é uma ex-aeromoça, americana e viúva, que mora no Rio de Janeiro desde que seu marido faleceu, trabalhando como professora num curso de inglês. Em seu trabalho ela lida com vários alunos, como o craque de futebol do Flamengo e da Seleção Brasileira Acácio e o advogado Pedro Paulo, ambos apaixonados por ela. Começa então uma ciranda amorosa entre os personagens, agitada por diversos equívocos culturais e linguísticos.

Ficha Técnica

Título original: Bossa Nova
Gênero: Comédia Romântica
Duração: 90 min.
Lançamento (Brasil): 2000
Estúdio: Luiz Carlos Barreto Produções Cinematográficas / Globo Filmes / Filmes do Equador / Sony Pictures Classics
Distribuição: Sony Pictures Classics
Direção: Bruno Barreto
Roteiro: Alexandre Machado e Fernanda Young, baseado na estória “A Senhorita Simpson”, de Sérgio Sant’anna
Produção: Luís Carlos Barreto e Lucy Barreto
Música: Eumir Deodato
Fotografia: Pascal Rabaud
Direção de arte: Cássio Amarante e Carla Caffe
Figurino: Emilia Duncan
Edição: Ray Huley

Elenco

Amy Irving (Mary Ann Simpson)
Antônio Fagundes (Pedro Paulo)
Alexandre Borges (Acácio)
Débora Bloch (Tânia)
Drica Moraes (Nadine)
Giovanna Antonelli (Sharon)
Rogério Cardoso (Vermont)
Sérgio Loroza (Gordo)
Flávio São Thiago (Peçanha)
Alberto de Mendonza (Juan)
Pedro Cardoso (Roberto)
Stephen Tobolowsky (Trevor)
Kazuo Matsui (Wan-Kim-Lau)

Pôsters

Premiações

– Recebeu 3 indicações ao Grande Prêmio Cinema Brasil, nas categorias de Melhor Diretor, Melhor Trilha Sonora e Melhor Lançamento. 

Curiosidades

– O filme teve dois outros títulos antes da escolha por Bossa Nova: “In English, please” e “A Senhorita Simpson”. Este último nome foi abandonado para evitar confusões entre o filme e o seriado “Os Simpsons”, no mercado americano.

– O filme foi escolhido para encerrar o Festival de Berlim de 2000.

– Logo no início do filme há uma dedicatória do diretor Bruno Barreto, homenageando François Truffaut e Tom Jobim.

– O roteiro do filme, ainda antes das filmagens terem sido iniciadas, foi comprado por 3 milhões de dólares pela Sony Pictures Classics, que o distribuiu no mercado mundial.

– Os direitos autorais do conto “A Senhorita Simpson”, que serviu como base para a elaboração do roteiro de Bossa Nova, inicialmente pertenciam ao diretor Arnaldo Jabor. Apenas 7 anos depois de adquirí-los, Jabor resolveu por repassar os direitos para o diretor Bruno Barreto, para que este pudesse transformá-lo em filme.

Fotos

Filmes Atualizados

Boi Neon

Tags:

Atualizado em 27 set 2015

Beira-Mar

Tags:,

Atualizado em 27 set 2015

A Morte de J.P.Cuenca

Tags:,

Atualizado em 27 set 2015

A Floresta Que Se Move

Tags:

Atualizado em 26 set 2015

Em Três Atos

Tags:

Atualizado em 26 set 2015

%d blogueiros gostam disto: