Um Certo Capitão Rodrigo

18 abr 2012


Um cavaleiro, meio soldado, meio gaudério, cabelo doirado ao sol, violão às costas, entra na pacata cidade de Santa Fé. Ninguém poderia imaginar que aquele homem estava entrando também em suas vidas. Cantando e bebendo foi conquistando os corações das mulheres e a admiração dos homens. Um contador de estórias, de aventuras, de guerras ou de mentiras?

Ficha Técnica

Título original: Um Certo Capitão Rodrigo
Gênero: Aventura
Duração: 106min.
Lançamento (Brasil): 1971
Distribuição: Cinedistri
Direção: Anselmo Duarte
Assistente de direção: Antônio Jesus Pfeil e Flávio Antônio Cecatto
Roteiro: Anselmo Duarte
Diálogos: Érico Veríssimo
Adaptação Cinematográfica: Geraldo Queiroz e Leopoldo Serran
Produção: William Khouri
Produção executiva: Álvaro Domingues
Assistente de produção: João Carlos Rezende e Adilson Barbosa
Co-produção: Companhia Cinematográfica Vera Cruz
Apresentacao: United Artists
Música: reg: Rogério Duprat
Canções: Airton Pimentel
Assistente de Som: Miguel Segatio
Mixagem: Raul Nanni
Som: Miguel Segatio, Joaquim Cunha e José Victor de Lima
Cenografia: Anselmo Duarte
Fotografia: Alberto Atili
Câmera: Marcial Affonso Fraga
Assistente de câmera: Pedro Carlos Torloni e Raimundo da Costa Icó
Fotografia de Cena: José Amaral
Guarda-Roupa: Isabel Amaral
Dublagem: José Luiz Francunha
Maquiagem: Clara Tamayo
Eletricista: Antônio Milan Peres
Montagem: Lúcio Braun
Continuidade: Maurício Miguel

Elenco

Francisco di Franco
Elza de Castro
Newton Prado
Sônia Dutra
Álvaro Alves Pereira
Paixão Côrtes
Pepita Rodrigues
Carlos Castilho
Iná Dornelles Vargas
Anita Otero
Alexandra Maria
Anita Sbânio
Pedro Machado
Aida Dalsaso
Arualdo Gomes
J.C.Levino Romero
Bibiana Torino
Nilo dos Santos
Paulo Bresolin
Catarina Klein
Pedro Toloni
Ronaldo Teixeira
Rosier

Pôsters

Premiações

– Troféu “Ferradura de Ouro”, SP, 1971.

Curiosidades

– Superprodução brasileira, retratando a parte mais emocionante do romance O tempo e o vento, de Érico Veríssimo

– 400 cavaleiros atuam nas cenas de batalha, 1.100 trajes de época foram confeccionados.

– O projeto estava arquivado desde a primeira fase da Vera Cruz, nos anos 50, e tinha Tônia Carrero no papel principal.

– Luiz Hyarup pesquisou e desenhou os trajes do século XIX

– Carlos Castilho e Paixão Côrtes orientaram os bailes típicos e as cenas de cavalaria, as canções são as mais lindas do cancioneiro gaúcho.

– Financiamento, INC

– Baseado no romance O tempo e o vento, de Érico Veríssimo

– Locações em Santo Amaro, RS

– Sinopse extendida:
Um cavaleiro, meio soldado, meio gaudério, cabelo doirado ao sol, violão às costas, entra na pacata cidade de Santa Fé. Ninguém poderia imaginar que aquele homem estava entrando também em suas vidas. Cantando e bebendo foi conquistando os corações das mulheres e a admiração dos homens. Um contador de estórias, de aventuras, de guerras ou de mentiras? A verdade é que se tratava de Um Certo Capitão Rodrigo. De nada adiantou o padre Lara preveni-lo das qualidades morais das pudicas donzelas e da honorabilidade da sociedade local. No primeiro dia, a mulher do vendeiro. Depois, Bibiana, Helga, Índia e Rosa. Foram todas se envolvendo por sua simpatia e irreverência. Sua gargalhada podia ser ouvida até na casa do chefe político local, que tentou expulsá-lo. Quando o capitão disse: “Fico”, já não mais pensava em si, mas na mulher que amava, no futuro de seus filhos e em seu povo. Rodrigo tinha no sangue o amor e a guerra. Em dezenas participou, expulsando a “pelegaços” e ponta de lança os castelhanos invasores. Mas agora sua luta era aqui. Dentro de Santa Fé. Inspirado pela idéia republicana de Bento Gonçalves, outro bravo gaúcho, o capitão Rodrigo brada em praça pública, antes de bombardear o sobrado governamental: “Viver com honra ou morrer com dignidade”.

Fotos

Filmes Atualizados

Boi Neon

Tags:

Atualizado em 27 set 2015

Beira-Mar

Tags:,

Atualizado em 27 set 2015

A Morte de J.P.Cuenca

Tags:,

Atualizado em 27 set 2015

A Floresta Que Se Move

Tags:

Atualizado em 26 set 2015

Em Três Atos

Tags:

Atualizado em 26 set 2015

%d blogueiros gostam disto: