Vem ai o 48ª edição do Festival de Brasilia do Cinema Brasileiro

4 set 2015

48ª edição do Festival de Brasilia do Cinema BrasileiroO Festival de Brasilia do Cinema Brasileiro chega à 48ª edição comprovando que a produção de cinema nacional vai muito bem. Dos seis longas-metragens selecionados, cada título é de um estado diferente.

Diretores jovens e veteranos assinam seis filmes de longa-metragem e 12 filmes de curtas e médias-metragens de todos os gêneros que irão competir por prêmios no valor total de R$ 340 mil.

Eles foram escolhidos dentre um número expressivo de inscritos: 130 longas-metragens, 221 médias e 237 curtas-metragens de vários estados.

O 48º Festival de Brasilia do Cinema Brasileiro será aberto oficialmente com a exibição de ‘Um Filme de Cinema’, de 2015, mais recente produção de Walter Carvalho. O filme será exibido no Cine Brasília, no dia 15 de setembro, a partir das 20h30. A escolha de Walter Carvalho como realizador do filme de abertura quer também fazer homenagem a Vladimir Carvalho, irmão de Walter, um dos maiores documentaristas brasileiros que em 2015 completou 80 anos de idade.

Em 2015, o Festival de Brasilia do Cinema Brasileiro conta com o Secretário de Cultura do Distrito Federal, Guilherme Reis, como presidente, o Subsecretário de Promoção e Difusão Cultural, Sérgio Fidalgo, como Coordenador Geral, e Graça Coutinho na função de Coordenadora Adjunta. Na comissão curatorial estão o cineasta Renato Barbieri, o professor e crítico de cinema Sérgio Moriconi e o doutor em comunicação Pablo Gonçalo.

O 48º Festival de Brasilia do Cinema Brasileiro

Dentre os 130 longas-metragens inscritos, foram selecionados seis, cada um de um estado diferente: A Família Dionti, de Alan Minas (97min, RJ, 2015), Big Jato, de Claudio Assis (92min, PE, 2015), Fome, de Cristiano Burlan (90min, SP, 2015), Para Minha Amada Morta, de Aly Muritiba (113min, PR, 2015), Prova de Coragem, de Roberto Gervitz (90min, RS, 2015) e Santoro – O Homem e sua Música, de John Howard Szerman (85min30, DF, 2015).

Dentre os 221 médias e 237 curtas-metragens de vários estados, a comissão de seleção escolheu: A Outra Margem, de Nathália Tereza (26 min, MS, 2015), À Parte do Inferno, de Raul Arthuso (22min, SP, 2015), Afonso é uma Brazza, de Naji Sidki e James Gama (23min, DF, 2015), Cidade Nova, de Diego Hoefel (14min, CE, 2015), Command Action, de João Paulo Miranda Maria (13min, SP, 2015), Copyleft, de Rodrigo Carneiro (29min30, MG, 2015), História de uma Pena, de Leonardo Mouramateus (30min, CE, 2015), O Corpo, de Lucas Cassales (16min, RS, 2015), O Sinaleiro, de Daniel Augusto (15min, SP, 2015), Quintal, de André Novais Oliveira (20min, MG, 2015), Rapsódia para o Homem Negro, de Gabriel Martins (24min, MG, 2015) e Tarântula, de Aly Muritiba e Marja Calafange (20min, PR, 2015).

A estes 18 filmes somam-se outros 18, que competem ao Troféu Câmara Legislativa (com um total de R$ 200 mil em prêmios) e que foram escolhidos dentre 81 produções do Distrito Federal, inscritas para a Mostra Brasília.

As sessões das mostras competitivas (as 20h30) e da Mostra Brasília (17h) acontecerão sempre no Cine Brasília. Assim também as cerimônias de abertura e encerramento do festival. No dia seguinte à exibição oficial, os filmes poderão ser vistos na sala 4 do Cine Cultura Liberty Mall, em sessões que começam às 14h30.

Para mais informações e a programação do 48º Festival de Brasilia do Cinema Brasileiro vai no site do festival!

Filmes Atualizados

Boi Neon

Tags:

Atualizado em 27 set 2015

Beira-Mar

Tags:,

Atualizado em 27 set 2015

A Morte de J.P.Cuenca

Tags:,

Atualizado em 27 set 2015

A Floresta Que Se Move

Tags:

Atualizado em 26 set 2015

Em Três Atos

Tags:

Atualizado em 26 set 2015

%d blogueiros gostam disto: